terça-feira, junho 28, 2016

Vamos lá pessoal, agora preciso mesmo da vossa ajuda!
Estou a concorrer a um Curso de Terapeuta Corporal Ayurveda e para ganhar preciso que visitem esta página que vou colocar aqui em baixo, basta abrirem o link que já me estão a ajudar.
E os vossos amigos e os amigos dos vossos amigos ao abrirem o meu link também me ajudam, porque ganha o candidato que tiver mais visitas de página. Por isso partilhem também 
Abram o link, no pc do trabalho, no pc pessoal, no telémovel... tudo conta 
Desde já o meu muito obrigada a todos os que me querem ajudar a dar mais um passo em direcção a este objectivo.




domingo, maio 06, 2012

Dia da Mãe

Quem tem mãe tem tudo e o único defeito de uma mãe é não ser eterna!!!!

 Um beijo com muito amor para a minha mãe ! :)



terça-feira, maio 01, 2012

1 Maio - Dia do Trabalhador



1 de maio é o Dia do Trabalhador, data que tem origem numa manifestação nas ruas de Chicago, EUA, em 1886, para reduzir o horário de trabalho.


Também neste dia, em 1891, em França, outra manifestação que reivindica direitos laborais acaba com 10 mortos, após intervenção policial. São os factos históricos que transformaram 1 de maio no Dia do Trabalhador.


Imagem retirada da net

Em Portugal, o 1.º de Maio só começou a ser celebrado a partir de 1974, depois do 25 de Abril. Durante a ditadura do Estado Novo, a comemoração era reprimida pelas forças policiais.

.

quarta-feira, abril 25, 2012

25 Abril 74 - Revolução dos Cravos


O cravo vermelho tornou-se o símbolo da Revolução de Abril de 1974. Segundo se conta, foi uma florista de Lisboa que iniciou a distribuição dos cravos vermelhos pelos populares que os ofereceram aos soldados. Estes colocaram-nos nos canos das espingardas. Por isso se chama ao 25 de Abril de 74 a "Revolução dos Cravos"



Não era nascida quando se deu a Revolução dos Cravos, o que sei sobre o assunto é o que tenho lido, filmes a retratar o dia e algumas explicações de familiares.


Hoje decidi ir à Internet e pesquisar mais sobre o assunto, conhecer um pouco mais a nossa história.
Aqui ficam alguns sites que gostei.


Neste site podemos saber "hora a hora" o que se passou nos dias 24, 25 e 26 Abril  1974

http://www.25abril.org/index.php?content=1&c1=6&c2=5



É importante saber como estava o país antes do 25 de Abril de 1974.

http://www.historiadeportugal.info/portugal-e-a-ditadura-salazarista/



O dia da Revolução dos Cravos

http://www.historiadeportugal.info/25-de-abril-de-1974/




.

domingo, abril 22, 2012

Dia Mundial da Terra

Há coisas que sinto e nem sei explicar o porquê ...

Hoje quando acordei, senti vontade de mexer na terra... lembrei-me que tinha umas sementes para colocar na terra e mãos à obra !

Assim, peguei nas saquetas das sementes e voilá! Será que vão germinar e aguentarem-se  direitinho???

Não tenho andado com muito jeito para mudar plantas ... acabam por morrer... :(

Mas como sou persistente, pequei numas suculentas que a minha madrinha me ofereceu e mudei para uns vasos! (esqueci-me de tirar foto)



Salsa (gigante d'Italia) e Violetas

Há umas semanas semeei salsa (sementes que pertenciam à salsa que tinha) ... a maior parte secou com os calores fora de época... Espero que com esta tenha mais sorte !

A salsa semeada à umas semanas ... fraquinha ...


Não apontei o que cada vaso tem... vai ser surpresa!
 Só depois de almoço é que vim à net e me apercebi que é Dia Mundial da Terra!

quarta-feira, abril 18, 2012

Um passeio por Belém (Lisboa)

Lisboa... a cidade onde nasci e que eu tanto adoro!

Muitas vezes me pergunto porque quando viajamos para estrangeiro achamos tudo tão bonito... até parece que só lá fora é que existem monumentos interessantes ...

Portugal tem monumentos com muita história, paisagens lindas e não damos valor nenhum!!! Cada vez aprecio mais o "vá para fora cá dentro". E nem é preciso ir para muito longe ... basta regressar às origens...

Na Páscoa passada, a minha afilhada veio passar uns dias connosco.. estava um Sol divinal (se bem que precisamos muito da chuvinha) e fomos dar um passeio até Belém, com um belo gelado a acompanhar... que maravilha!

Não sou nenhuma barra a história .. mas aproveitámos para dar "umas pinceladas" de história sobre os Descobrimentos à moça que nada sabia da Torre de Belém, Padrão dos Descobrimentos e pensava que a Cruz de Cristo que estava no avião de Gago Coutinho e Sacadura Cabral era o símbolo do Belenenses...

E agora algumas fotos com um pouco de História (Trechos retirados se vários sites)



Torre Belém

Monumento manuelino, classificado como Património Mundial pela UNESCO.

Concebida no século XVI por Francisco Arruda.

Em 1415, partiu daqui a expedição militar que conquistou a cidade moura de Ceuta.
Em 1493, Cristóvão Colombo escalou em Belém quando retornou da sua primeira viagem à América.
Em 1497, Vasco da Gama partiu daqui para a descoberta do caminho marítimo para a Índia.


 

Quem não conhece a Torre de Belém?


Padrão dos Descobrimentos

O monumento original foi encomendado pelo regime de António de Oliveira Salazar ao arquitecto Cottinelli Telmo (1897-1948) e ao escultor Leopoldo de Almeida (1898-1975), para a Exposição do Mundo Português (1940), e desmontado em 1958.

O actual monumento, é uma réplica, foi erguido em betão com esculturas em pedra de lioz, erguendo-se a 50 metros de altura. Foi inaugurado em 1960, no contexto das comemorações dos quinhentos anos da morte do Infante D. Henrique, o Navegador.




Homens de coragem...


Rosa Ventos

A norte do monumento uma rosa-dos-ventos de 50 metros de diâmetro, desenhada no chão, foi uma oferta da África do Sul em 1960. O mapa central, pontilhado de galeões e sereias, mostra as rotas dos descobridores nos séculos XV e XVI.


O cantinho de todos nós!!!


Monumento aos Combatentes do Ultramar

A homenagem a todos que morreram por Portugal, é feita através das lápides colocadas na própria parede do Forte em que, a par das lápides nominativas, elaboradas, segundo as listas oficiais por anos e por ordem alfabética.

 A frieza da geometria do Monumento é quebrada pela "chama da Pátria" que, ao manter-se sempre acesa, simboliza a perenidade de Portugal e a sua continuidade através dos séculos.


Não fazia ideia da sua existência...



Avião Gago Coutinho e  Sacadura Cabral

Primeira travessia aérea do Atlântico Sul, entre Lisboa e o Rio de Janeiro, em 1917.


                            
Réplica de avião de Gago Coutinho e Sacadura Cabral





domingo, abril 15, 2012

Bolo de Espinafres

Há uns dias atrás a sogrinha disse que tinha bolo diferente para a sobremesa ... bolo de espinafres... confesso que me pareceu estranho, mas depois de provar ... não comi só uma fatia... estava mesmo bom! Não sabe a espinafres, tem um cor linda, fácil de fazer .... tinha que experimentar!

A sogrinha faz este bolo com 1 chávena de óleo, mas como cá em casa andamos a tentar evitar males desnecessários substitui parte do óleo por courgette. Para a próxima coloco uma courgette inteira para substituir o óleo na totalidade.

A sogrinha já fez esta receita  com espinafres e também com grelos, gostei dos dois!



Delícia!

Ingredientes:

1 molho de espinafres
1/2 courgette
1/2 chávena óleo
2 chávenas açúcar
2 chávenas farinha
1 c chá fermento
5 ovos

Modo de fazer:

Cozer os espinafres, escorrê-los e picá-los.
Ralar finamente a courgette.
Separar gemas das claras.
Bater bem as gemas com o óleo.
Juntar os espinafres e a courgette e bater.
Juntar o açúcar e bater.
Juntar a farinha e bater.
Bater as claras em castelo.
Juntar aos poucos as claras ao bolo e mexer suavemente.

Untar a forma com manteiga e farinha.
Forno a 180º durante 1 hora

.

sábado, abril 14, 2012

De volta!

Hoje "ganhei" um portátil só meu ... não é novo  mas é o suficiente para o blog, facebook e as minhas pesquisas... por isso vou voltar a colocar uns post sobre o que gosto...

segunda-feira, setembro 19, 2011

Aqui fui muito feliz !

Tive uma infância privilegiada,  morava em Lisboa mas nos meses de Verão ía sempre para a casa dos meus avós. Era tão bom !!

A casa dos meus avós maternos era na Boavista em Santiago do Cacém.

No redor da casa havia algumas figueiras, oliveiras e terra de cultivo.

Adorava imitar os meus avós...

O meu avô cavava com a sua grande enxada (parecia-me grande porque era do meu tamanho) e eu fazia o mesmo ao lado dele mas com um sacho...

A minha avó tinha um quintal onde tinha árvores de fruto, os legumes e as flores ... como ela adorava as flores... ao final do dia era a hora de regar, qual a criança que não gosta de regar? Lá estava eu a pedir para ela me deixar regar e muito a custo deixava-me, mas sempre a controlar não fosse eu dar-lhes água a mais.

Não tínhamos água dentro de casa, por isso a água guardava-se numa bilha de barro (quarta d'água, como a minha avó dizia).

Corria e saltitava de manhã até à noite, subia e descia o monte dezenas de vezes por dia sempre com uma energia impressionante. Dáva de comer às galinhas, coelhos e o cão.

A casa era pequena, tinha dois mini quartos, sala e cozinha. Do lado esquerdo tinha um quarto onde vivia um velhote e do lado direito um barracão que servia de arrumações e onde tinha uma casa de banho improvisada.

Casa dos avós maternos
A casa dos meus avós paternos era na Alagoa, Santiago do Cacém.

Em frente à casa havia umas oliveiras e terra de cultivo, na parte de trás era o curral da vacas.

Era tão engraçado acordar com os badalos das vacas logo de manhãzinha...

A casa não tinha nem água nem luz. Por isso, o jantar era a luz de candeeiro a pretrolio ou a bilha de gás.

Ìa-se buscar a água a um furo ali ao pé, com umas bilhas de barro (quarta d'água) para que a água se mantivesse fresquinha. No meu tempo já se bebia com copos...mas antigamente bebia-se com um cocho.

Lembro-me de ver a minha avó a passar a ferro com um ferro a brasas.

Na casa destes avós também me fartava de correr... mas aqui era mais fácil ... era tudo plano!

O que mais me recordo na casa destes avós é que se juntava muita família e agora penso ... onde cabia tanta gente?

A casa tinha dois mini quartos e uma cozinha onde também se faziam as refeições. Do lado direito, uma divisão para guardar os cereais, uma cavalariça para 2 cavalos e do lado esquerdo o forno.  A casa de banho era ao ar livre ;)

Adorava andar com o meu avô na carroça com a mula ! Era tão divertido!

Recordo a minha avó nas suas rezas sempre que partíamos de viagem. Ainda hoje a a sinto ao meu lado a proteger-me.

Casa dos avós paternos

Adoro voltar à casa dos meus avós... apesar de ficar um pouco triste ao olhar para as casas a caírem, fecho os olhos e penso... " Aqui fui muito feliz... Recordações boas ... muitos boas!!!! Obrigado Avós"

quarta-feira, agosto 31, 2011

Férias 2011- O regresso

(Cont...)

Quem não gosta de férias ? Eu gosto mas chega a uma altura que começo a sentir umas saudades da minha casinha, do sofá, das plantas... sinto saudades de tudo!!! Por isso estava na hora de regressar. Ainda queria passar na casa da minha madrinha, em Sines. Iria lá passar o fim de semana e depois sim... casa.

GPS no colo, destino 'Sines' , evitar auto-estradas, trajecto traçado... e cá vamos nós !!!

Eu enjoo a andar de carro, principalmente se for curvas e contra curvas ... pois ... a Serra do Caldeirão é dura ... foram 52 Km em que já desesperava e o calor também não ajudava...

Passámos por são Brás de Alportel, Ameixial, Almodôvar, Ourique, Colos, Cercal do Alentejo, Sonega, Santiago do Cacém e por fim Sines. 

Gostamos de viajar por aldeolas, pequenas vilas em que se pára num café para comer um gelado (Colos) e apanhamos uma castiça discussão entre velhotes sobre a Televisão Digital Terrestre... cada um dizia uma tonteria maior que o outro...!


Em Almodôvar gostámos da Rotunda do Quartel dos Bombeiros, uma bela homenagem!
A fotografia não retrata a sua beleza.


Escultura feita com pedaços de sucata representativa da coragem dos Bombeiros de Almodôvar
Deparámos-nos também com uma Ponte Medieval construída com xisto e tijolo.

Almodôvar - Ponte medieval sobre a Ribeira de Cobres


Adorei as paragens de camionetas de Cercal do Alentejo! Não são giras?


Cercal do Alentejo - Paragem de camionetas

Foram umas férias excelentes, onde ficámos a conhecer mais um pouco do nosso Portugal, dos seus costumes e das suas gentes!

Férias 2011 - Alcoutim

(Cont...)

Fiquei agradavelmente surpreendida com Alcoutim.

Vila acolhedora, pessoas simpáticas, tudo arranjadinho, ruas limpas... sentia-se uma paz, uma tranquilidade ... uma maravilha!

A 1ª paragem foi no castelo. Achámos que 5€ por pessoa para estar uns minutos um pouco caro e desistimos de ir ver. Cá de fora parecia que estava bem arranjado. 

A fome apertava, fizemos um mini piquenique na parte de fora do Castelo a apreciar a bela paisagem.

Claro que a seguir a um almocito tem que se beber um cafezito. E assim foi, descemos até a baixa da vila.

Um café numa bela esplanada virada para o rio... (ao lado da Estátua do Guarda Fiscal ) que vista... , que sossego... a senhora do café perguntou se queríamos o café com mel, que era assim que os alcoutenejos o bebiam ... Em Alcoutim sê alcoutenejo!! Pois bem, provámos e gostámos. Não fica tão doce como o açúcar mas também é mais saudável.






Em Alcoutim podem ver-se 3 estátuas que simbolizam a vila, Estátua do Contrabandista, Estátua do Guarda Fiscal e a Estátua do Pescador.

A bateria da máquina já tinha terminado por isso só consegui fotografar a última referida.

Estátua do Pescador
Uma homenagem aos pescadores, principal actividade para a subsistência das populações ribeirinhas
Na entrada poente da vila, podemos apreciar  o Mural de Azulejos, composto por 31 painéis, que contam e preservam histórias de Alcoutim.

Na direcção contrária, sempre a subir encontramos indicação para os Menires de Lavajo I .
O conjunto de menires de Lavajo I é um monumento megalítico, um dos mais importantes não funerários da Península Ibérica.
Na placa explicativa falava do Menire de Lavajo II mas não o encontramos.



Menires de Lavajo I
8 Km em terra batida com 35 º para ver dois calhaus ... 


A Praia Fluvial tinha um aspecto delicioso... e o calor que estava ainda a fazia mais apetecível. Estavam 35º !!!! 

A praia está equipada com bar, sanitários, duches, parqueamento automóvel e acessos adaptados para deficientes, parque de merendas, com cobertura e mesas de madeira, um parque geriátrico, campo de voleibol e uma área para actividades lúdicas e desportivas. É uma praia vigiada.

Praia fluvial do Pego do Fundo
(Cont...)

Férias 2011 - Ayamonte

(Cont...)

Quando fomos a Vila Real de Santo António demos um pulinho a Ayamonte... apanhamos o ferry que custou 3,20 € (ida e volta). Fomos à hora de almoço o que quer dizer q estava tudo fechado... 


Plaza de la Laguna

Adicionar legenda


(Cont...)

quinta-feira, agosto 25, 2011

Férias 2011 - Castro Marim

(Cont...)

Castro Marim é palco anualmente de uma Feira Medieval que acontece entre 25 a 28 de Agosto. Esta feira junta vários artistas de todo o mundo, tais como músicos medievais, arqueiros, espadachins, trupes, dançarinos, etc. Também tem vendedores e vários tipos de artesãos como tecelãos, ferreiros, ervanários, etc.
A história deste concelho, um dos mais antigos do Algarve, remonta à época em que romanos, celtas e árabes a ocuparam, tendo construído fortalezas e castelos para defender a terra.

Ao fundo o Forte de São Sebasteão.
Dentro do Castelo Velho pode ver-se as barraquinhas que irão fazer parte da Feira Mediaval.


Castelo Velho
 Sapal de Castro Marim

Em torno da vila de Castro Marim, junto à foz do Guadiana, vê-se um conjunto de salinas e tanques, associados a vastas zonas de sapal, que constituem refúgio para um elenco de aves aquáticas dos mais umerosos no nosso território .


Sapal Castro Marim
 (Cont...)

domingo, agosto 14, 2011

Férias 2011 - Foz de Odeleite e Gerreiros do Rio


(Cont...)

Tínhamos pensado subir o Rio Guadiana de barco mas depois de nos informarmos dos preços mudámos de ideia... 40€ por pessoa. Decidimos "subir" o rio de carro... com destino a Foz de Odeleite (que era o destino do passeio de barco). Não ficámos nada arrependidos, gostámos da paisagem na mesma e ainda fomos visitar uma Villa Romana em Guerreiros do Rio.

Villa Romana do Montinho das Laranjeiras
Este complexo inclui, entre outras estruturas, várias sepulturas, uma piscina de reduzidas dimensões revestida com mosaicos pintados, e várias habitações do período árabe, construídas aproveitando os antigos edifícios romanos. Encontra-se dividido em três secções distintas, denominadas de ars fructuaria, ecclesia, e buyut, que se referem, respectivamente, aos vestígios romanos, visigodos e muçulmanos. 


Gerreiros do Rio - Villa Romana


Guerreiros do Rio - Villa Romana
 Paisagens do Rio Guadiana


Rio Guadiana

Rio Guadiana 

Foz de Odeleite
Onde a Ribeira de Odeleite desagua no Rio Guadiana, o que torna a zona envolvente um paraíso natural e convidativa para banhos. A ribeira de Odeleite, de caudal permanente, possui uma grande variedade de fauna e flora.


Rio Guadiana - Foz de Odeleite

(Cont...)

Férias 2011 -Tavira e Pêgo do Inferno

(Cont...)

O tempo estava nublado ... era um bom dia para passear, destino Tavira!
Estacionamos o carro mesmo em frente à Igreja de São Paulo. Nunca tinha visto uma entrada de uma igreja com tantos vasos e plantas . A  igreja é bonita.
Fomos passear pelo centro de Tavira, atravessámos o rio Gilão, jardim do Coreto onde tem muitos cágados, antigo mercado de Tavira, hoje em dia funciona como centro comercial e zona de lazer.
Adorei a arquitetura das casas, as suas janelas, lindo!

Coreto de Tavira

Esta ponte é um dos símbolos de Tavira.

Ponte Antiga mas também conhecida como Ponte romântica de Tavira

Já tinha lido no blog calateepoupa que em Tavira existia uma cascata que era linda mas não me lembrava do nome, sabia que era qualquer coisa do Inferno. Fui a uma café e perguntei ...Pêgo do Inferno.
Tem que se andar bastante mas compensa! Não pensei que tivesse tanta gente e percebe-se bem o porquê... é Divinal! Um pedaço do paraíso e não do Inferno.
Era hora de almoço e a fome apertava, encontramos um espaço para comer, tive pena de não irmos preparados para tomar banho, fica para próxima.
Pêgo do Inferno é definitivamente um local a voltar!

Pêgo do Inferno

Pêgo do Inferno... se o Inferno é assim ...

(Cont..)

Férias 2011 - Praia Fuseta, Ilha da Fuseta, Manta Rota, Monte Gordo e Praia verde

(Cont...)

Praia da Fuseta Ria, não gostamos muito da água, era um pouco lamacenta, escorregávamos com facilidade, não ficamos lá muito tempo. Reparámos que havia muitos barcos a passar de um lado para o outro, era para a Ilha da Fuseta. Tínhamos que ir lá um dia.

Praia da Fuseta


Como não ficámos mito tempo na Praia da Fuseta fomos à procura de mais praias. Passámos pela de Tavira. Poucas pessoas mas a praia era idêntica à da Fuseta. Seguimos em frente.

Praia de Tavira


Já me tinham falado que a Praia Verde é uma das jóias do Algarve e é verdade !  É abrigada por um pinhal de pinheiros mansos, a água é cristalina, a areia branca e quase quentinha, não custa nada entrar. Todo o meio envolvente é fantástico.

Praia Verde ... Uma delícia


Lá fomos nós para  Ilha da Fuseta com a esperança de não ter nada a ver com a praia da Fuseta.
A viagem de barco custou cerca de 1,50€ (Ida e volta) e demorou cerca de 10 minutos.


Barco para a Ilha da Fuseta


A Praia é muito boa (bandeira Azul), a areia, a água quentinha... e as bolas de berlim ....
As bolas de berlim eram maravilhosas... tínhamos resistido até ao momento, mas a gulosice foi mais forte desta vez... foram a 1,20€ cada uma ... ainda não tinha acabado a minha e já estava a pensar comer outra ... e assim foi...  mas valeu a pena...nunca tinha comido bolas de berlim tão boas.

Praia da Ilha da Fuseta


 Ainda que tivemos que estar algum tempo na fila para apanhar o barco.

O regresso da Ilha da Fuseta


Praia da Manta Rota, para mim, é a melhor praia! A areia é fina, a água cristalina, a água quente e não fica logo com fundão, dá para andar um pouco e ainda ter pé.
Bandeira Azul

Praia da Manta Rota


Praia de Monte Gordo. Também gostei mas, apesar a água ser a mais quente de todas as praias a que fomos não é cristalina (ou então tivemos muito azar com as marés).
Bandeira Azul.

Praia de Monte Gordo

(Cont...)

domingo, agosto 07, 2011

Férias 2011 - Ilha Faro e Praia da Quarteira

(Cont...)


Ilha Faro

A ilha tem acesso por ponte tanto a carro como a pé. Não tivemos dificuldade em estacionar.
Não estava muita gente na praia... mesmo como eu gosto!
Por norma demoro uns bons minutos a conseguir entrar na água, nesta praia foi fácil! Ondas pequenas mas com 3 passos já tinha água pela cintura ...
Praia com bandeira azul.
Conseguimos resistir às bolas de berlim...
Esqueci-me de tirar umas fotos... ups.


Rotunda do aeroporto de Faro

Os Observadores da Rotunda

Praia da Quarteira

Achei esta zona muito mais turística que as outras. Muitos cafés, restaurantes, loginhas de rua de roupa e bijutaria mas mesmo assim não foi muito complicado estacionar.
Chegámos à hora de maior calor e estava assim, as pessoas aqui, vêm à praia de manhã e à hora de almoço fecham (ou não) os sombreiros e vão almoçar e regressam por volta das 15:30. Ficámos espantados por ninguém mexer em nada ...
Não gostei tanto desta praia. A água é bem mais fria, quase tão fria, como as praias do Alentejo e tem muitas pedrinhas para se conseguir entrar na água.
Praia com bandeira azul.
Conseguimos resistir às bolas de berlim...


Praia de Quarteira
 (Cont ...)

Férias 2011 - O Parque Campismo SBSI

(Cont ...)

Quando chegámos ao parque estávamos com algum receio do que íamos encontrar ... mas tivemos uma agradável surpresa. Não sei o que me passou pela cabeça porque ... esqueci-me completamente de tirar umas fotos !!!
Agora ao tentar encontrar algum tipo de imagem  na internet para mostar aqui consegui entrar no site do SBSI e voilá ! Se tivesse visto estas imagens tinha ficado muito mais descansada!
 Parque de Campismo SBSI
 Vista do parque a 360º
Tinha muito bom aspecto, muitas árvores (muito importante), junto à Reserva Natural da Ria Formosa.
Tem 2 courts ténis, 2 piscinas (adultos e crianças), campo desportivo polivalente, parque infantil, restaurante com esplanada, sala de convívios e jogos, café com música ambiente, gelataria, mini mercado, posto de socorros e lavandaria com máquinas de lavar roupa. Haviam WC espalhados por todo o parque,  espaços para lavar loiça, tanques para lavar roupa à mão, local próprio para lavar o carro e muitos fontanários.


No meio do parque está uma espécie de palacete que mais tarde viemos a  saber que é uma Ecoteca . Muito engraçado.




Foto retirada  do blog
http://ecotecadeolhao.blogspot.com/
Agora a estadia no parque.


Aguando fizemos o check in indicaram-nos que a zona com mais sombras era nas "costas" do palacete. E lá fomos nós... A zona para tendas estava bem demarcada. Escolhemos o local perto de tendas grandes, daquelas mesmo familiares porque pensámos que deveriam de ser de casais com filhos e que apesar de haver algum barulho, à noite são pessoas que são sossegadas e deitam-se cedo. No bloco para  onde fomos estavam mais 5 tendas grandes. Quatro das tendas eram com casais e filhos,  à nossa frente não se via ninguém na tenda. Afinal não nos enganamos era tudo casais com filhos novos .... estávamos confiantes que iriamos passar umas belas noites de sono. Pois enganamo-nos. Os nossos vizinhos da frentes uns 4 homens na casa dos vinte.
Quando chegavam da praia por volta das 19h colocavam umas músicas que não lembravam ao Diabo ... era música portuguesa mas rapidamente fiquei farta do "Paulinha", mas como era de dia não havia muito que reclamar. O pior era à noite, bebados, falavam alto e numa frase com 4 palavras diziam 3 asneiras ... Eram do Norte ...
Ainda "convivemos" umas 4 noites.
O segurança do parque andava sempre em cima deles mas foi complicado. Na última noite (deles) o segurança ainda me disse que eram militares e que queriam escrever no livro de reclamações porque se sentiram perseguidos ... coitadinhos.
Foram-se embora... noites tranquilas.
É claro que num parque apesar do horário de silencio ser da meia noite às 8 da manhã, há sempre alguém que se ouve a falar, mas não é assim tão incomodativo que impeça de dormir.
Um outro problema foram as melgas ... ui... tivemos que ir comprar repelente mas mesmo assim ainda fomos picados algumas vezes.
A nossa rotina diária passava por acordar cedo, tomar o pequeno almoço na tenda, ir beber um café e ir ao mini mercado comprar conduto para fazer as nossas sandes para o dia. Escolher uma praia ou um local a visitar, passar um dia bem fixolas, ir ao Ria Shoping comprar carne ou peixe para grelhar, alface e tomate para a salada, sumos e fruta para o dia seguinte, fazer o jantar e ir até ao café do parque um bocadinho. Uma das vezes comprámos camarão já cozido e uma bela garrafa de Casal Garcia bem fresquinha... Foi DIVINAL.
Quase todas as noites havia uma animação no parque, sevilhanas, corridinho, musica de baile, reggae, declamação de poemas.


Conseguimos passar uns dias magnifícos, sem stress, sem noticias sobre a crise, puro relax. Isto tudo sem gastar muito dinheiro na alimentação nem na estadia. O combustivel claro que é outra história. Todos os dias faziamos muitos kilometros (Ida, volta e passeios fizemos 1550 km), mas pelo menos, como foi a última quinzena de Julho não havia muito transito.


Adoro adormecer e acordar com os sons da natureza!


Gostámos tanto que já estamos a planear um fim de semana grande (se o tempo não atrapalhar) para ir para outro Parque de Campismo.


(Cont ...)

sábado, agosto 06, 2011

Férias 2011 - A caminho do Parque Campismo SBSI

Eu não sou lá grande coisa a fazer malas para ir de férias ... tudo pode fazer falta principalmente no campismo.
Há uns tempos atrás a Luarte do blog ideiasdebaixodotelhado falou sobre o campismo e de uma lista de campismo feita por ela. Claro que lhe dei uma olhadela... estava muito completa, ajudou imenso.
Posso dizer que a bagageira estava cheia assim como o banco de trás.... a minha cara metade ainda pensou que teria que levar algum saquinho no colo ... mas não ... bem arrumadinho coube tudo!
Lá partimos nós pela nacional e com destino a Olhão. Pela nacional demoramos mais tempo mas tem 2 aspectos positivos, não se paga portagem e caso nos apeteça podemos parar nas terriolas e dar uma voltinha.
Chegámos bem e ansiosos por ver o parque. Gostámos e lá estávamos nós a fazer o check in. Montar a tenda foi muito fácil ... praticamente monta-se sozinha!
Estávamos cansados por isso fomos jantar ao Ria Shoping em Olhão e deitar cedo que as férias prometiam!

Já tínhamos uma lista das praias e algumas localidades que tínhamos curiosidade em conhecer.
Praias:  Quarteira, Ilha Faro, Ilha da Armona, Ilha da Culatra, Ilha da Fuseta, Manta Rota, Praia Verde, Monte Gordo, subir o Rio Guadiana de barco.
Localidades: Tavira, VRSA, Alcoutim, Castro Marim, Almodôvar, S Brás de Alportel.

Mapa Algarve

(Cont...)

O que vamos fazer nas férias este ano???

Esta pergunta foi feita por várias vezes entre eu a a minha cara metade ... já tínhamos ido a Paris este ano e assim o orçamento para férias estava mais reduzido... o que poderíamos fazer durante duas semanas sem gastar muito dinheiro e mesmo assim passear por locais novos?
Sempre gostei muito de campismo e foi essa a minha sugestão ... e agora ... Praia ou campo ?
No ano passado fomos ao Gerês, por isso este ano vai ser Praia!!!

Comprámos o Roteiro Campista 2011 para poder escolher o Parque de Campismo.
Claro que fiz um  excel com alguns dos Parques que nos chamaram mais à atenção, aqui ficam alguns exemplos dos que mais gostámos:

Total= Pessoa *2 + Tenda + Carro.


Localidade
Pessoa
Tenda
Carro
Total
Piscina
Site
Zambujeira
5,5
6,5
5
22,5
3,5
www.campingzambujeira.com
S. Teotonio
6
6
6
24
3,5
www.montecarvalhaldarocha.com
Aljezur
5,5
5
4
20
0
www.campingserrao.com
Odeceixe
6,4
5,9
5,4
24,1
3,5
www.campingsaomiguel.com
Lagos
6,2
4
4
20,4
0
www.turiscampo.com
Lagos
5,2
6,2
4
20,6
0
www.orbitur.pt
Alvor
5
4,5
4
18,5
3,5
www.campingalvor.com
Armação 
5
5
3
18
0
www.camping-canelas.com
Silves
5,5
4,75
3,5
19,25
2
www.camping-armacao-pera.com
Albufeira
5,5
6
6,5
23,5
0
www.campingalbufeira.net
Quarteira
5,2
7,2
6,2
23,8
0
www.orbitur.pt
Olhão
1,55
1,15
1,26
3,96
1,4
4,2
3,1
3,4
10,7
1,4
Ria formosa
5
3,5
2,12
15,62
0
www.campingriaformosa.com
VRSA
5,89
3,19
3,81
18,78
-
http://www.cm-vrsa.pt


* Preço com desconto por ser sócio do SBSI  (que é o meu caso)

Ao fazer contas é fácil perceber que o parque do SBSI em Olhão (com desconto) é o mais barato e fica quase no centro da costa algarvia. E foi o escolhido!!! Continhas bem feitas, e porque só a minha cara metade não tem desconto,  cada noite fica por 8,16 €!!!

Fui ao site do SBSI mas não tinham fotografias ... ou seja... decidimos completamente sem saber se tinha bom aspecto ou não... Será que vamos ter sorte?? Também combinámos que ao chegar ao Parque se não gostássemos do aspecto seguiríamos para outro...

Também começámos a comparar preços de material de campismo na Decatlon.
Optámos por comprar uma tenda para 4 pessoas (apesar de sermos só 2 preciso de espaço para arrumar a tralha toda que levo, tenho vindo a melhorar mas ainda estou longe do ideal), um colchão insuflável e uma mesa de campismo.

Foi um investimento ainda considerável mas que irá ser amortizado ao longo dos anos.
Ainda comprámos umas pequenas coisas como por exemplo um fogareiro e afins, loiça de plástico, uma lanterna.

Um quarto bem espaçoso para 2 pessoas e uma mini sala  



Uma colchão  para um soninho descansado.



Mesa para os nossos grelhados deliciosos !